Recordando...

Andando pela vida vamos dando os passos que nos levam através do nosso destino. E um dos grandes segredos desse percurso é fazê-lo com alegria. Metade dos obstáculos, são resolvidos pelo simples facto de colocarmos um sorriso nos lábios. Andarmos tristes, sós e isolados de tudo e de todos nunca resolveu nenhum problema. Serve para pensarmos, para interiorizarmos soluções, mas por si só, não resolve nada.


E realmente nenhum cenário é assim tão negro que não possa ser relativizado.

Todos já sofremos de amores, sim. Já perdemos coisas que nos custaram muitos anos a alcançar. Deixámos oportunidades fantásticas para trás porque não conseguimos dar aquele passo corajoso que nos conduziria a elas. Sim, muitos também já viveram a morte de alguém muito próximo. E nada disso é muito fácil de viver e de aceitar. Mas o resultado é sempre o mesmo. No final, o que nos volta a pôr de pé, o que nos faz seguir em frente, é aquele sorriso que decidimos colocar nos lábios e a alegria secreta e silenciosa que deixámos despertar em nós. Porque, se não o fizermos, ninguém o fará por nós. Trata-se, agora e sempre, de uma opção muito pessoal. Ninguém pode viver a vida de ninguém.

Se abrirmos um sorriso, pararmos de nos queixar e fizermos o que é preciso, encontraremos o caminho certo.

2 comentários:

Anónimo disse...

Gosto da maneira simples e ao mesmo tempo complexa que vc escreve. Por isso me identifico bastante com seus escritos.Pois, a vida deve ser realmente vivida como se o hoje fosse o ultimo dia, sendo assim faça o melhor e faça o que se tem pra fazer, pq lamento, medo e perdas são desafios para serem superados e abrirem caminho para as novas conquistas. abraços.

Ricardo Antunes disse...

Precisamente!
De resto, e de um certo ponto de vista, de nada adianta viver do passado ou do futuro, coisas que já passaram ou que nunca existiram... O momento que existe é o aqui e agora. Cabe-nos a nós aproveitá-lo e vivê-lo o melhor que podemos!
Abraço também!!