Onde está o branco em ti?

Somos todos iguais. Buscamos as mesmas coisas. É incrível como tantas vezes nos camuflamos debaixo duma capa que não deixa que ninguém nos veja realmente.

Procuramos as estrelas mas não vemos o céu. Queremos conhecer o Universo mas nem nos conhecemos a nós próprios.

Estamos debaixo da terra, num buraco bem fundo e não vemos nada. As coisas não fazem sentido e então tentamos descrever o que nos vai na alma. Mas, apesar disso, nós também não saímos da roda das coisas fúteis em que estamos metidos.

Será assim tão difícil fugir a isto tudo. Encontrar a nossa verdadeira natureza?

A tua alma terá tanta sede dessa água viva que és capaz de deixar tudo para trás e partir em busca dessa fonte de vida eterna?

... Onde está o branco em ti?

4 comentários:

Adriana ♣* disse...

A capa, a máscara, a maquiagem, a roupa...

Fuga, medo, vazio!

Tudo isso encobre a nossa nudez e nos dá a falsa sensação de "proteção".

Mas, ora, se somos irmãos, por que, não podemos nos olhar por inteiro?

Abs,

Adriana

Ricardo Antunes disse...

Muito bonito Adriana.

mjoaob disse...

Comprei o livro na feira do livro do parque eduardo VII deste ano. Acabei por o ler há duas semanas. Gostei muito.
:)

Ricardo Antunes disse...

Ainda bem João, fico contente por isso. Obrigado pelo comentário e pela leitura!